Vitamina C: mitos e verdades sobre este poderoso antioxidante

Todas as mulheres querem ter uma pele formosa e saudável. Mas, para isso, é preciso cuidar muito dela (por dentro e por fora).

Para além dos cuidados básicos na rotina de cuidados cosméticos, porquê a limpeza e proteção, é importante investir em produtos que oferecem benefícios mais completos, com diferentes ativos para ajudar a atingir os resultados pretendidos. Um dos mais populares é a vitamina C, um poderoso antioxidante, que ajuda a combater os radicais livres e, também, na produção de colagénio.

A substância, encontrada em mantimentos naturais e utilizada em dermocosméticos, é considerada muito eficiente no combate às manchas, rugas e linhas de sentença. No entanto, as informações que encontramos online podem ser um bocadiiinho “too much” e até mesmo prejudicar a gestão de expectativas. Por isso mesmo, reunimos alguns mitos e verdades sobre a Vitamina C.

Todas as vitaminas C são eficazes

Mito! A molécula de ácido L- Ascórbico (vitamina C pura) é muito instável e oxida facilmente quando entra em contacto com a chuva e o ar, o que dificulta bastante a sua manipulação. Assim sendo, houve um grande esforço no sentido de conseguir estabilizar o ativo e prolongar o processo originário de oxidação. Resultado: surgiram algumas opções estabilizadas e derivadas da molécula original.

Apesar de a estabilização prometer a integridade da validade destes derivados por mais tempo, a versão pura – e mais instável – é a que traz mais benefícios à pele. Por conseguinte, é importante escolher um resultado que contenha vitamina C pura (ácido L-ascórbico) , e não derivada ou estabilizada, para que a pele receba o melhor ativo.

A vitamina C age de forma preventiva

Verdade! A Vitamina C é eficiente em qualquer idade. Ela não só ajuda a minimizar rugas e linhas de sentença em peles mais maduras, porquê também é indicada para prevenir o envelhecimento precoce. Para outrossim, contribui para a produção de colagénio, proporcionando firmeza à pele.

A vitamina C e Sol não combinam

Mito! Muitas pessoas acreditam que, por ser um ácido, o ativo pode ocasionar queimaduras ou vermelhidão na pele durante a exposição solar. Mas a verdade é que a Vitamina C é um ótimo ativo para combinar com o protetor solar pela manhã, pois ajuda a combater os raios solares com a sua potente ação antioxidante. Mas lembre-se: o protetor solar é indispensável!

A subida concentração de Vitamina C é melhor para a pele

Mito! A pele só consegue sugar, no supremo, 20 por cento de vitamina C pura. Logo, quando o ativo é encontrado em maiores concentrações, a sua absorvência é reduzida e pode ocasionar irritações na pele.



Link da fonte