Saltar este passo depois do banho pode causar candidíase

Este cenário provavelmente é-lhe familiar: toma banho de manhã, seca-se com uma toalha e veste-se o mais rápido verosímil — enfim de contas, que mal faz estar com a pele ainda um pouco húmida? — e sai porta fora.

Todas já o fizemos. O que a maioria não sabe é que um destes passos pode prejudicar a saúde íntima: vestir roupa interno antes de a superfície estar completamente seca pode razão candidíase.

“Os fungos tendem a prosperar em ambientes húmidos. É por isso que há mais casos de candidíase durante os meses de verão, quando as mulheres não se secam completamente depois de nadarem, ou têm acumulação de suor na área genital”, explica o ginecologista Jason James à revista Glamour.

O técnico acrescenta que todas as mulheres têm fungos e bactérias sempre presentes na vagina, mas é o desequilíbrio entre eles que resulta em infeções bacterianas. “O calor, a humidade e a fricção podem levar à irritação e a potenciais mudanças no PH, que aumentam favoravelmente para a candidíase crescer e tornar-se uma infeção clínica”.

Logo, voltando àquele cenário em que não tem muito tempo antes de ir trabalhar, o Dr. James deixa algumas dicas que podem ajudar a evitar situações desconfortáveis.

  • Impor a maquilhagem ou consertar o cabelo enquanto ainda está nua;
  • Vestir o sutiã antes das cuecas;
  • Se se sentir confortável com a teoria, caso use um vestido, não vestir logo a roupa interno. Assim, terá mais tempo para secar completamente.

O médico também recomenda investir em roupa interno de algodão, que deixa o corpo respirar e não retém os fluidos e secreções naturais. Aliás, sublinha que não importa uma vez que escolhe secar o corpo — com uma toalha ou ao procedente, desde que o faça. Este é um passo importante na prevenção das infeções bacterianas.



Link da fonte