Saltar para conteúdo
Horas indisponiveis
Setúbal,

Jornal regional de Setúbal

PUB
obocagiano A freguesia do Laranjeiro, no concelho de Almada, vai passar a contar com duas unidades cuidados de saúde, com capacidade para 120 camas.
Almada: Novas unidades de saúde abrem no Laranjeiro
A freguesia do Laranjeiro, no concelho de Almada, vai passar a contar com duas unidades cuidados de saúde, com capacidade para 120 camas, a partir desta sexta-feira, dia 13. A LAHGO Continuados e a LAHGO Sénior são inaugurados às 11h00, pela Liga dos Amigos do Hospital Garcia da Orta (LAHGO).
 
A LAHGO Continuados - Unidade de Cuidados Continuados Integrados (UCCI) e a LAHGO Sénior – residência sénior, totalizam uma área coberta de 8000 m2 com capacidade para acolher até 120 utentes. 
 
A UCCI e a residência sénior vão criar "mais de 80 novos postos de trabalho directos, prevendo-se um quadro de pessoal próximo dos 200 funcionários", garante Fernando Neves, presidente da LAGHO.
 
Cada uma das novas unidades possui 20 quartos duplos e 20 quartos individuais. A LAHGO Continuados integra a Rede Nacional de Cuidados Continuados Integrados e funcionará como um "hospital de retaguarda", com capacidade para acolher 60 pacientes (30 de média duração – até 9 meses – e 30 de longa duração – até ao final da vida).
 
Com uma capacidade instalada de 60 camas, a LAHGO Sénior vai disponibilizar uma oferta diferenciada de cuidados de saúde, com destaque para a diversidade de cuidados na área da reabilitação, psicomotricidade, estimulação psicológica e cognitiva, actividades de lazer e culturais, dispondo ainda de um cabeleireiro, um centro de estética e um spa geriátrico.
 
Segundo a autarquia, "esta unidade residencial destina-se a apoiar seniores e pessoas com grau de dependência, respondendo também a situações de doença crónica prolongada e algumas situações de demência".
 
O complexo de cuidados de saúde e sociais vai integrar ainda serviços de reabilitação, cuidados de enfermagem e consultas de especialidade, nas áreas de medicina interna, neurologia, gastroenterologia, psiquiatria, ginecologia, cardiologia, medicina dentária, fisiatria, terapia da fala, nutrição e psicologia.
   
Fernando Neves destaca que, apesar de serem espaços privados, "a população mais carenciada poderá usufruir de algumas consultas de valor muito reduzido".
 
A LAHGO Continuados e a LAHGO Sénior vão ficar localizados na Rua Luís Villas Boas, números 20-22, na freguesia de Laranjeiro. O investimento global nos novos equipamentos ascendeu aos 12,5 milhões de euros, dos quais a autarquia local contribuiu com 350 mil euros, além da cedência do terreno e da isenção das taxas municipais no valor de meio milhão de euros.

Últimas Notícias

Setúbal: Praça de Portugal altera prioridade a partir de quinta-feira

Os automobilistas que circulam no nó giratório da Praça de Portugal vão ter prioridade sobre os condutores que surgem no sentido norte/sul da Avenida Pedro Álvares Cabral.

Setúbal: Trânsito condicionado esta quarta-feira e no final da semana

A realização de gravações televisivas e a organização de um evento desportivo vão condicionar o trânsito automóvel em três ruas da cidade, esta quarta-feira e no final desta semana.

Setúbal: Regata de Banheiras e Insólitos animou Parque Urbano de Albarquel

Madeira, esferovite e plástico foram os materiais utilizados para construir as dez embarcações que participaram na 3.ª edição da "Regata da Baía do Sado em Banheiras & Insólitos".

Noticias Relacionadas

Barreiro: Utentes protestam contra reorganização hospitalar

Os utentes do Centro Hospitalar Barreiro/Montijo concentraram-se esta manhã em frente às instalações deste serviço para contestar a reorganização da rede pública hospitalar.

Bruno Vitorino nega encerramento de maternidades no distrito de Setúbal

Presidente da distrital de Setúbal do PSD diz que "nunca esteve previsto o encerramento de qualquer maternidade no distrito". A reorganização hospitalar tem vindo a ser contestada no distrito.

Setúbal: Municípios vão protestar em Lisboa contra a reorganização da rede hospitalar

A AMRS convocou uma concentração em defesa da manutenção de valências nos hospitais da região. Os municípios do distrito de Setúbal opõem-se à reorganização da rede hospitalar pública.

Setúbal: União de Sindicatos teme falta de assistência nos hospitais com nova portaria

A União de Sindicatos de Setúbal alerta para a possível perda de valências e falta de assistência nos hospitais da região com a nova portaria do Governo.

PUB

Tópicos

PUB